Loading

3 de jul de 2011

Um agradecimento e uma despedida...


Primeiramente irei me esforçar ao máximo para não transformar esse post em apenas lamentações.
Esse meu cantinho (que tanto me ajuda a crescer) completará dia 12 próximo nove meses, exatamente o tempo de uma concepção e nascimento humano.

O intuito do blog sempre foi relatar fatos do cotidiano da convivência de José Roberto e Santhiago (e continuará sendo), claro que existe muito ainda a ser contado para o pequeno Santhiago (que agora já me ajuda também com suas lembranças tão ricas e sua escrita tão inocente). Porém, dando sequência a história que  me propus a contar é chegado um momento que eu não sei QUERO ou se TEREI forças para continuar - afinal as cenas que viriam  a seguir vivem latentes em minha memória 24horas por dia, não seria necessário escrevê-las para que um dia olhando nos olhos do meu filho eu as relate -.

Além disso, por todas as barreiras que encontro nos meus dias e noites de pai e mãe, sinto um desânimo absurdo - como se as forças fossem um pouco a cada dia - . Então é chegado um momento que preciso me resgatar como ser-humano, como mãe, como mulher, ou seja: Me reencontrar,  procurar e colar cada caquinho dentro dos destroços, e tenho plena consciência que só eu mesma posso fazer isso.

Talvez eu volte logo! Gostaria muito de continuar, as vezes cenas alegres do nosso cotidiano passam como um flash em minha memória, mas e o ânimo para escrever?, tenho já escrito um "causo", cheio de humor do meu Bom José e um episódio de Santhiaguice (que terão sua sequência normal), Santhiago e Edson continuarão livres para postar, se o desejarem.

Quero agradecer a cada um(a) de vocês, que nesses oito meses (o primeiro mês escrevia freneticamente e nem supunha que existiam seguidores) me acalentaram, me confortaram, transformando comentários em direcionamento para a minha vida tão confusa. Através desse espaço conheci pessoas que levarei dentro do meu coração  para a minha vida inteira.

Continuarei aqui uma vez por semana. E como despedidas são sempre muito tristes, (sejam elas definitivas ou não), direi um até breve! Obrigada a cada um de vocês, não os peço que permaneçam aqui, mas se o fizerem iriam encher meu coração de alegria cada vez que eu olhar para o lado e  ver esses rostos que me são tão familiares e amigos...

Entre as coisas mais lindas que eu conheci, só reconheci suas cores belas quanto eu te vi.
Entre as coisas bem-vindas que recebi, eu reconheci minhas cores nela, então eu me vi...
                                  (Nando Reis)

Para você meu filho! Não tenho nenhuma certeza quanto ao destino do blog. A única certeza que tenho nesse momento é a do  meu amor por você...Me perdoe! (só por Garantia)...

12 comentários:

Lúcia Soares disse...

Sônia, nesse exato momento entendo você, porque também me desencantei de escrever.
Mas o seguimento do blog é importante para o Santhiago e os amigos, pois este é um cantinho que pertence a eles, em memória do Beto.
E que você sabe conduzir lindamente.
Escrever pode provocar-nos uma catarse, e talvez seja isso mesmo que você não goste.
Você é livre para decidir o melhor para você.
Seja mais forte ainda do que tem sido. Amanhã Santhiago será um lindo homem (não falo "lindo" unicamente no sentido do físico, mas do ser humano)e lhe dará mais e mais alegrias.
Pode ter certeza de que ele entende tudo que se passa entre vocês dois e é seu melhor amigo.
E precisa de você, da sua força, mesmo que ache que esteja cansada e precisando de colo.
Siga com fé e esperança, minha amiga. Vai sempre valer a pena.
Beijo e conta comigo para o que precisar!

Sônia Cristina disse...

@L�cia Soares
Lúcia,

Obrigada querida,
você sabe tudo de mim com detalhes (obrigada pela conversa do msn hoje),me senti tão melhor, tão mais aliviada.
Ele é uma criança tão pequena ainda, me doí tanto, tanto...

beijo

Fernanda Iasi disse...

Vou continuar por aqui sim. Vou estar aqui sempre, assim como quero que vocês sigam fazendo parte da minha vida. Bjo!

Beth/Lilás disse...

Tudo bem Soninha, eu entendo!
Eu acho que tudo tem seu tempo e talvez o que você deixou por aqui tenha sido o tempo necessário.
Foi um enorme prazer seguir este blog tão sensível, cheio de amor, de considerações familiares ricas e amorosas.
O blog pode permanecer vivo se você não o deletar e assim, vez em quando, quem sabe, quando sentir vontade, quando lembrar de algo importante desta convivência tão amada, você retorna, escreve e lê os comentários dos amigos que sempre a acompanharão.
Nos veremos então pelo EmQuantos, ok.
beijos cariocas

jordania disse...

Nao comento sempre mas , todos os dias passo por aqui pra saber de vcs,vou ficar triste por nao ler seus posts cheios de amor e q me emocionam muito ,mas se assim vc decidiu espero q encontre o q procura.Admiro seu amor e sua dedicaçao por sua familia Santhiago é mesmo um menino de muita sorte por ter vc cmo mae. Fica na paz bjs

Sônia Cristina disse...

@Beth/Lil�s
Oi Beth querida.
Sim! O deixarei dessa forma, afinal a história nunca acaba, e sei que terei meus amigos aqui sempre.

Obrigada por isso.

beijo

Sônia Cristina disse...

@jordania
Oi Jordania,

Que bom te ver aqui, primeira vez né?
são pessoas como você que me fazem ter vontade de continuar, gosto de saber que passo algo.

Esse é um presente que propus dar ao meu filho, claro que volto (só não sei quando).

Obrigada querida.

Lívia Azzi disse...

Oi Sônia!

Quem somos nós para não entender o vazio?! Todos o sentimos... Por vezes mais forte que em outras.

Nós precisamos de tempo, de cuidado, acolhimento e amparo, sobretudo da nossa alma com nosso corpo...

Sei que logo vocês voltam, todos nós continuamos aqui.

Abraços forte de carinho!

Lívia Azzi disse...

Oi Sônia!

Quem somos nós para não entender o vazio?! Todos o sentimos... Por vezes mais forte que em outras.

Nós precisamos de tempo, de cuidado, acolhimento e amparo, sobretudo da nossa alma com nosso corpo...

Sei que logo vocês voltam, todos nós continuamos aqui.

Abraços forte de carinho!

C. disse...

Poxa, mas nem cheguei e você já está se despedindo?

Eu acredito em uma pausa, mas nao despedida. Às vezes o tempo pede pra que deixemos de lado o blog - porque afinal ninguém merece enchecao de linguica só nas postagens - pra voltar melhores, acredite!

Já linkei você para nao perder de vista, indicada pela Ferzoca deve ser uma blogueira muito bacana!

Um grande abraco!