Loading

13 de mai de 2011

De Asas ao Leo - Divina Deekadência (By Edson)

Arte e poesia

(Todos os direitos reservados a Banda Divina Deekadencia conforme a lei 9610 dos direitos autorais de 19 de fevereiro de 1998 - titulo II capitulo I art 7º )

Quebre esse gelo ao redor
se for preciso vá a luta
se for preciso vá a guerra
mas nunca pense em voltar
mesmo se alguem te chamar

Dos teus olhos vão rolar
lágrimar de dôr e medo
descendo ao coração...
mas se alguem disser te amar
e quizer te acompanhar

Mas se um dia te ferir
se não mais puder sorrir,
se não mais puder fingir...
só te restará o ar
só te restará voar

Eu quero ser um falcão
prá fugir desse lugar
mesmo se for pra voltar...
um dia...

EU, HOJE, AGORA

Claro que quando fiz essa musica o Beto e o Filico simplismente olharam a letra e disseram:  Bonitinha!!! e riam em seguida, era assim que nos tratávamos, era assim que nos entendíamos...
Mais uma vez, esse "eu" possa ter viajado demais no tempo e ter trazido todos esses meus sentimentos de agora pra aquele instante, pois é assim, exatamente como diz na letra, que me sinto...
Preciso da paz que a Divina me trazia quando eu me trancava no studio, sozinho e esperava a tribo chegar, pra rir, chorar, brigar, questionar, sonhar, compôr, tocar, tocar, tocar...
Saudade de vocês meus amigos, saudade de você Beto, saudade de você Filico, saudade de você Divina, que saudade!!! de mim.

2 comentários:

Lívia Azzi disse...

Se houvessem garantias nessa vida, não conheceríamos as alegrias... E as alegrias são inesquecíveis e revividas cada vez que relembradas.

Carinhos e beijos!

Nilce disse...

Saudade!
Ainda bem que ela existe mesmo que nos maltrate.
Sem ela, sem as boas lembranças o que seria dos bons momentos vividos?

Bjs no coração!

Nilce