Loading

17 de mar de 2011

De Santhiago para Papai II...

pai a prô simone mando o bilhete para mamãe dizendo que tava preocupada porque eu conversava muito na sala de aula mamãe conveersou e eu  to bonzinho faço a lição todos os dia.

pai todo domingo a mãe me leva para andar de bicicleta na pracinha dai ela fica fazendo a unha e me olhando andar o pneu da frente ta murcho so o da frente mamãe vai enxer

pai a mãe feis uma medalia tem eu e voce na foto eu quero uma e a mãe disse que não porque eu vou perder mais ela comprou um brinco de argolinha igual o seu pai.

pai eu tenho um amigo lukas ele e do JApão ele meu melhor amigo

pai eu gosto da shakira ela  linda que nem a mãe

pai a mãe comprou uma camera nova mais não deixa eu mexer

pai voce lembra quando eu perdia o pe da meia a mãe ia briga e voce me defendia não briga com o menino isso não e nada

pai quando eu vou na reza com a vó eu falo assim papai do ceu eu quero sonhar o pai

pai olha foto da mãe que voce tirou a mãe parece modelo

pai o lukas é meu meihor amigo e legal  mida lanche todo os dia

pai a prô SIMONE deu  1 materia de computador na escola
ese e um amigo que axei no parqe da monica

Santhiago e beto se ama





11 comentários:

Ana Paula Santiago (inventandocasa.blogspot.com) disse...

Sônia, Agora senta que o papo é grande!!!!!!!!
Conheci teu blog ontem , através da Elaine. Aliás , tecnicam,ente já era hoje! Foi na madruga, meu pequeno tá dodoi e passamos o dia no hospital, diagnótico: pneumonia; dá muitos medicamentos e pra não cochilar fiquei sentada, entre um horário de medicação e outro e fui pasear nos blogs amigos pra me manter acordada e vim parar aqui.

Passei duas horas aqui, lendo os post, li muitos, quase tudo. Me emocionei TANTO, mas TANTO. Chorei tanto!!! Sorri tambem, principalmente com as Santhiaguices!!
Li sobre sua história de amor com o Beto, sobre as várias tentativas de ter um bebê, sobre as outras tantas de adotar um, sobre o nascimento do Santhiago, sobre a sua chegada, sobre o Cidade Oculta, sobre sonhos e sobre pesadelos reiais.
Olha, te admiro e quero estar sempre aqui, pra te ouvir, te falar, se quiser pra te acalentar tb, vc é uma guerreira, o Santhiago um menino adorável, e o Beto é uma pessoa Incrível, e deve estar muito feliz de ver como vc o mantém vivo, tão vivo que acabei de conhecê-lo e amá-lo. O Santhiago tem pais maravilhosos.
Um beijo e se vc permitir, eu estarei sempre aqui.

Tina disse...

Olá, como a Ana, te conheci agora, através do blog da Elaine tbm, vi um comentário seu lá e resolvi vir aqui. Comecei pelo post masi recente, me emocionei e fui ao primeiro láa no início. Li todos, me emocienei com sua trajetória em ter um filho, em ter tido uma "filha" por tão poucos dias, mas Deus sabe o que faz. Achei linda sua estória com a Edna, não sei se eu conseguiria passar por metade do que vc passou. Estória linda sua sua, do seu Beto e do seu Santhiago, uma família linda.
Pra mim uma verdadeira lição de vida, uma sacudida pra despertar pra vida e RECOMEÇAR (como um post escrito). Guerreira, lutadora, corajosa, essa é vc.
Um abraço carinhoso, te linkei e vou estar sempre por aqui viu!!!
Bjss

Baronesa disse...

Olá Sonia!

Minha estória muito recente com seu blog é bem paracida com a da Ana Paula: tb te conheci através do site da Elaine. Vim logo para cá, me encantei com a estória e fiquei ontem o dia no trabalho, lendo seu blog e me emocionando!

Seu filho é lindo! Amado pelos pais! E é essa a melhor herança que ele pode receber.

Tenho certeza que seu marido está muito feliz por saber que deixou uma família bem estruturada e cheia de amor aqui.

Bjks para vc e para o Santhi!

Andressa - RJ

Álefe Souza disse...

Olá, Sônia!

obrigada pela visita no blog. Olha, o Yuri não é adotado, não. Quando eu coloquei esse nome no blog eu nem conhecia a expressão Filho de coração como sendo para crianças adotadas. :D Já pensei em mudar, mas já acostumei com o nome. Amo cada vez mais o teu cantinho. Santhiago é uma criança fora do comum e o jeito como ele escreve para o pai me deixa muito emocionada.

Grandes beijos e abraços!

Álefe

Néia disse...

oi Minha querida...
E aí, tá se convencendo que a sua história é maior do que vc mesma possa imaginar.Que sua história emociona, faz chorar, faz rir com as frases inocentes de Santhiago,faz sonhar com um amor quase fora de moda e impossível, afinal de contas hoje a palavra de ordem é "ficar".Que a sua história é vida, adrenalina,sentimentos à flor da pele, convencimento e esperança. Que sua história é maior, muito maior e com certeza terá ser contada em outros ares,lugares, corações e paisagens.
Desde o primeiro minuto que te li soube disto e tenho certeza que ainda entro na fila para ganhar seu autógrafo um dia. Amei todas as frases de Santhiago, carregam tanta emoção e dizem o quanto ele ainda busca entender a falta do pai, é como se ele através destas frases tivesse ainda uma conversa pessoal e carinhosa com o Beto.E vai saber se não está tendo mesmo...
Beijos neste coração de mulher guerreira que sabe o que quer.

Néia disse...

Ah... esqueci de dizer que concordo com o Beto, você está mesmo linda e se parece com uma modelo.

Eva disse...

Sonia querida, te admirei tanto quando entrei no teu blog, sei que és uma pessoa comum como dizes com defeitos e qualidades, mas me iluminei quando fui lendo, o bem que nos fazes com teu blog não tens a dimensão, obrigada querida por estar lá no meu blog, é uma honra tê-la por lá, mulher valorosa e amorosa e guerreira e sem exageros, pura constatação, beijos e sejas super bem vinda, estarei por aqui também, ótimo final de semana.

Maria Helena disse...

Oi, querida!
Fico emocionada com as sutilezas do Santhiago! Ele é iluminado! Desde pequeno já aprendeu a olhar com um olhar caleidoscópico.
Amo o olhar colorido que ele direciona para o cotidiano mesmo com uma história de vida de sofrimento.
Parabéns por ser um alicerce tão bem construído para ele!
Bjs!
Bjs!

Lúcia Soares disse...

Sônia, linda. Desculpa a demora de comentar, mas a vida tá uma correria só!
Sabe o que me ocorreu agora? Daqui uns tempos vamos ler um texto deo rapazinho Santhiago, escrevendo comovidamente para o pai.
Na sua linguagem simples de recém alfabetizado, ele comove tanto!
Que bom ele já ter um amiguinho que admira.
Que bom ele ter a mãe tão linda quanto a Shakira...rsrs(nem sei se ela é linda, não presto atenção, não a curto, mas ele JÁ enxerga e aprecia uma mulher...danadinho!).
Ele é um amor de criança!
Beijo!

Toninha Souza disse...

Olá Santhiago,estou adorando esse blog,te amo so pelas coisas que vc escreve.Vc está de parabéns.Bjs e bjs na mamãe.